Do Velho Mundo – As decisões que faltaram e Encerramento de temporada

Bom dia, boa tarde, boa noite! Hoje é segunda sexta, e sexta-feira é sim dia de Do Velho Mundo. A temporada de clubes está encerrada no velho continente, mais uma temporada termina com suor, lágrima, sorrisos e festa. Sem enrolar muito, vamos em ordem nas decisões de Finlândia, Alemanha e Suíça:

Liiga                                   

Após se salvar de uma varrida, o Tappara foi a Kärpät para tentar uma sobrevida. Ao mesmo tempo, o time da casa queria fechar a série e levantar o caneco em seu gelo, o que aconteceu? Isso mesmo, um grande jogo. Como eu falei, o Tappara estava focado em levar ao sexto jogo, o time de Tampere fez 0-4 nos dois primeiros períodos, mas o Kärpät logo descontou e se empolgou, o time da casa empatou a partida faltando 10 minutos para o fim do jogo. A disputa continuou acirrada, mas faltando 3 minutos para o término o Tappara passou na frente novamente, Jukka Peltola fez 4-5 e garantiu o jogo 6.

Na quinta em Tampere foi a vez de Dominik Hrachovina e Veini Vehvilänen dominarem o jogo, os goleiros passaram mais de 55 minutos sem sofrer gol, porém só um poderia vencer. Aleksi Mäkelä fez o gol vitorioso, Vehvilänen conseguiu o shutout, a festa em Tampere foi do Kärpät. 0-1 no jogo, 4-2 na série e o título garantido em uma batalha épica que impediu o tricampeonato do Tappara.

A história foi mantida, o Kärpät sempre que foi o melhor time da temporada regular acabou sendo campeão. O Tappara até ameaçou, colocou medo no adversário e foi esse medo o suficiente para tudo terminar de se encaixar. Uma bela campanha, favorito de ponta a ponta e título merecido para o Kärpät, seu oitavo título finlandês. Parabéns ao Kärpät!

karpat
O Kärpät pode celebrar mais uma vez (Foto: Mikko Pylkkö)

DEL

Após 5 jogos e com o Red Bull vencendo a série por 3-2, o Eisbären recebeu o time de Munique para o jogo 6 na capital alemã. Com o apoio da torcida, o Eisbären conseguiu se impor sobre as dificuldades e em um jogo extremamente franco onde os dois times dispararam mais de 40 vezes por gol. Berlin 5-3 München o placar final, série empatada em 3-3 e jogo 7 marcado para a quinta-feira.

Munique, quinta-feira, 26/04/2018, jogo 7. Vencer ou ser vice-campeão, título ou nada. O time do energético começou avassalador, mesmo o Eisbären tendo saído na frente o Red Bull virou o placar e aumentou para 4-1 ainda no primeiro período. Fez 5-1 com dois períodos e depois daí os times trocaram gols até que o placar ficou 6-3 em favor do Red Bull, o Eisbären colocou os últimos esforços para conseguir um milagre, mas não deu. O München fechou a porta, gastou tempo e venceu o jogo 7.

Red Bull München tricampeão da DEL, todos os três títulos conquistados nas últimas três temporadas. Mais uma vez um trabalho muito bem feito coroado com todos os méritos, parabéns ao Red Bull München, mais conhecido como o time do energético de Munique, por mais essa conquista!

redbull
Pelo terceiro ano seguinte o título fica com o Red Bull München (Foto: picture alliance/NurPhoto)

NLA

A festa estava armada em Zurique para o jogo 6, o ZSC Lions poderia ser campeão no seu gelo e de frente para sua fiel torcida. Mesmo com um bombardeio do Lions, o Lugano quem saiu na frente, os visitantes abriram o placar e seguraram até o segundo período, quando o time da casa empatou. A pressão do ZSC continuou, com tudo o Lugano se recolocou a frente, mas não demorou muito, o Lions empatou outra vez. Nos minutos finais, com tudo, o Lugano voltou a frente e dessa vez segurou o adversário 2-3 e jogo 7 marcado.

A sexta-feira em Lugano foi marcada pela batalha final da NLA na temporada. HC Lugano e ZSC Lions foram ao gelo com tudo igual na série, agora não interessava mais o que acontecera previamente em toda a temporada, o que importava era simplesmente vencer e ser campeão. Com poucos minutos de jogo Patrick Geering abriu o placar para o ZSC, o time de Zurique dominou o período inteiro, mas não fez mais gols. No segundo período o Lugano martelou, tentou, mas Lukas Flüeler defendeu tudo e na etapa final o Lions conseguiu equilibrar o jogo e segurar o placar. Nos segundos finais Ronald Kenins marcou o 0-2  com o gol do Lugano desprotegido colocando um ponto final em tudo.

HC Lugano 0-2 ZSC Lions, o time de Zurique foi campeão da NLA. Após estar vencendo por 3-1 a série, o ZSC viu o Lugano empatar a série com tudo dando errado taticamente. No jogo 7 finalmente o time de Zurique conseguiu se impor outra vez, conseguiu superar o Lugano para garantir o título, seu nono título suíço. Parabéns ao ZSC Lions!

zsc
Na Suíça teve emoção, mas o título ficou nas mãos do ZSC Lions (Foto: Alessandro Crinari / Keystone)

 

Chegamos ao final de outra temporada, mais uma jornada foi cumprida nessa coluna. Os campeões foram coroados e sonhos foram realizados, mas apenas alguns foram recompensados. Nem todos conseguiram vencer um título, alguns tiveram destinos mais tristes, mas isso é parte do jogo, é parte da competição também. De minha parte foi muito bom novamente acompanhar tantas ligas diferentes, ver tantas histórias acontecendo. Nos vemos novamente em breve, até lá permaneçam vivos que eu vou tentar fazer o mesmo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s