Efeito Cassidy: o que mudou nos Bruins?

Milagrosamente, eu estou escrevendo. E, milagrosamente, o Boston Bruins vem em uma hot streak, muito disso é devido aos seus special teams e, mais recentemente, ao treinador Bruce Cassidy e sua capacidade de tirar o máximo dos seus jogadores. Coisa que o antigo técnico do Bruins e atualmente o comandante em Montreal, Claude Julien, não conseguia fazer.

cassidyforever

Vamos começar pautando sobre os times especiais dos Bruins, ou seja, a unidade de powerplay e a unidade de penalty kill. Atualmente, o Bruins é o 12º na lista de powerplay, com 20%, já em penalty kill a equipe figura nas cabeças, sendo o 1º da liga com 86,4% (números até o dia 22/02, antes do jogo contra o Anaheim Ducks).  No começo da temporada, os special teams dos Bruins estava absolutamente ridículo, chegando a ocupar as posições mais baixas nos dois ranks.

Desde quando Cassidy chegou, os times especiais cresceram de produção, inclusive o penalty kill, que parou duas chances de powerplay do San Jose Sharks, 2-3 do Vancouver Canucks, seis chances de powerplay do Montreal Canadiens, e no domingo (19) parou uma oportunidade dos Sharks.  Sendo assim, 1/12 nos últimos quatro jogos, os quatros primeiros jogos de Cassidy no comando dos Bruins. Além disso, Marchand é o 1º da liga em short-handed gols (três gols), Marchand está sendo o pacote completo para a equipe dos Bruins na temporada.

Já quando em vantagem, os Bruins estão contando com a grande ajuda de Patrice Bergeron, tanto nas assistências quanto vencendo as batalhas dos faceoffs, e também com os goleadores Brad Marchand e David Pastrnak. A equipe estava uma streak de oito jogos marcando pelo menos um gol através do powerplay. Até o jogo contra o Sharks, o time tinha marcado gol de powerplay em todos os jogos do mês de fevereiro.

Mas a principal mudança fica por conta de Bruce Cassidy e seu uso dos jogadores. Uma estatística que vem fazendo grande diferença nos Bruins e no modo do time jogar é a da onde começa o shift dos jogadores; Com Claude Julien, Patrice Bergeron, Brad Marchand e David Backes começavam cerca de 35% dos seus shifts na zona ofensiva, para já aplicar a pressão no forecheck que é uma das especialidades de Marchand, mas Cassidy está mudando isso e agora a primeira linha começa 41% dos shifts na zona defensiva, aproveitando que Marchand e Bergeron são ótimos two-way forwards.

c4rwdkqxaae8fhq

Cassidy também explora mais Frank Vatrano, Jimmy Hayes e Ryan Spooner pela suas habilidades no ataque, o coach dos Bruins está começando 50% dos shifts da linha na zona ofensiva, e apenas 10% na zona defensiva, visto que esses jogadores não defendem tão bem quanto os outros, mas não que seja algo extremamente ruim, Cassidy está conseguindo explorar até mesmo a defesa dos mesmos. Além desses, David Pastrnak e David Krejci, dois jogadores mais habilidosos do time estão aumentando sua porcentagem de shifts iniciados no ataque e diminuindo, lentamente, os shifts que começam na defesa.

A quarta linha, com Tim Schaller (que chegou a ser um jogador de segunda linha com Claude Julien), Riley Nash e Dominic Moore estão iniciando 53% dos shifts na zona defensiva, e isso está tendo um grandioso efeito, percebendo que a 4ª linha é melhor vindo da defesa do que do ataque. Cassidy conseguiu perceber que iniciar uma linha que não é a mais destinada a marcar gols no ataque é uma grande perda de oportunidades.

Com todas essas mudanças, os Bruins estão ainda em uma vaga para os playoffs da NHL, com o trabalho do special teams e com o bom trabalho até aqui de Cassidy, o time pode apagar um pouco da vergonha vivida nos dois últimos anos nos quais perderam a vaga para os playoffs nos últimos cinco jogos e, enfim, participar de uma pós-temporada e quem sabe, chegar a tão desejada Lord Stanley, o que nesse momento soa improvável.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s