OH Canada! #1 – Análises de Outubro parte 2

Bom dia, boa tarde/noite meus caros amigos do Puck Brasil. Eu, Lucas Mendes, estou aqui de volta para terminar as análises dos canadenses no mês que se passou. Na última edição, analisei Maple Leafs, Canadiens e Oilers. Hoje, a análise vai cair sobre Jets, Senators, Canucks e Flames.

OTTAWA SENATORS

A temporada para os senadores começou em altas emoções, com uma vitória no overtime e outra no shootout contra dois rivais, o Maple Leafs e o Canadiens (única derrota do Canadiens na temporada até aqui) respectivamente.  Ainda venceu Oilers e Canucks (que teve uma crescente enorme esse mês. Irei tratar disso mais tarde), mas perdeu para o Flames que não teve um inicio bom de temporada. No geral, o Outubro do Senators foi bom, contabilizando 5 vitórias e 3 derrotas, somando 10 pontos na tabela, e no momento já briga por playoffs, embora vai ser difícil lutar contra o Canadiens esse ano.

Ottawa mostrou no inicio de temporada ser uma defesa frágil, com Anderson tomando gols bobos e isso custou alguns pontos, mas o time se acertou no fim do mês, apesar do 5-2 contra o Flames, tendo 2 shutouts contra Oilers e Canucks fora de casa.

VEREDICTO:  ataque eficiente, marcando 3,12 gols por jogo, e uma defesa que cede menos gols por jogo do que o ataque marca. Esse time vai ser interessante acompanhar durante a temporada.

NOTA: Todo apoio ao Anderson e a família. Aos que não sabem, a esposa de Anderson foi diagnosticada com Câncer e ele recebeu licença do clube para cuidar da esposa.

Anderson Senators.jpg
#ForçaAnderson! Foto: Eric Bolte – USA TODAY Sports

WINNIPEG JETS

O time q protagonizou a maior virada dessa temporada até então. Aquele 5-4 contra o Leafs vai ser bastante lembrado, principalmente pela capacidade de reação do Jets naquele jogo. Mas não vamos nos ater a só um jogo. O Jets não teve um início tão bom na temporada, mas teve um calendário um pouco ingrato, tendo que enfrentar o Wild, Bruins e o Oilers. Em 9 jogos em Outubro, o Jets teve uma campanha de 4 vitórias e 5 derrotas, somando 8 pontos.

A defesa do Jets sofreu muitos gols no início da temporada. Foram 3+ gols em cada um dos primeiros 6 jogos. Bem preocupante. A média no mês foi de 2,89 gols sofridos por jogo. Já o ataque, 2,44 gols por jogo. A média de gols é bem desfavorável e desanimador para Winnipeg, mas espera-se que a salvação esteja em Patrik Laine, que teve um bom início de temporada para um calouro, marcando 6 gols e contando 8 pontos em Outubro.

Patrik Laine.jpeg
Será Laine a salvação do Jets? Foto: Trevor Hagan – The Canadian Press

VEREDICTO: O Jets ainda tem um time frágil na defesa, enquanto o ataque começa a mostrar sinais de evolução com as atuações de Laine. Veremos o que Novembro aguarda para Winnipeg.

 

VANCOUVER CANUCKS

Esse time surpreendeu demais quando apareceu no topo da divisão pacífica, em uma briga ótima com o Oilers nas primeiras 4 partidas,  mas aí, com uma derrota para o Kings tudo desandou. Desde então o Canucks não vence uma partida, e terminou Outubro com 4 vitórias, 4 derrotas e uma derrota no shootout.

O power play do Canucks não funciona.  A porcentagem de aproveitamento em Outubro foi de 10%, um dos piores da liga. O penalty kill foi até razoável. Mas o time simplesmente não consegue aproveitar a vantagem numérica no gelo, o que é crucial para vencer jogos. A média de gols por jogo também é muito preocupante. Menos de 2 por jogo em Outubro, enquanto média de gols sofridos é maior que 2,5.

SadNuck.jpg
Os times especiais do Canucks precisam aparecer, senão… Foto: Sergei Belski – USA TODAY Sports

VEREDICTO: O time não marca gols, mesmo com uma defesa razoável. Desse jeito não tem como vencer jogos. Precisa ser trabalhado urgentemente se quiser voltar a vencer

CALGARY FLAMES

E vamos ao ultimo time a ser analisado. O Flames teve um início de temporada terrível, perdendo 3 jogos seguidos contra rivais. Tentou se reerguer contra o Sabres, conseguindo uma vitória, mas foi demolido por Hurricanes e Blues em casa, até que, na terceira semana, o time pareceu engrenar. Venceu Blackhawks, Blues e Senators em sequência. Teve uma campanha de 4 vitórias, 5 derrotas e 1 derrota no shootout.

Mas vamos ao jogo. O time oscilou boas e más partidas. Nos primeiros jogos, sofreu muito com a defesa que estava desajustada. Mas ao que parece, esse problema se resolveu, mas outro, que estava oculto surgiu. Os times especiais do Flames estão muito ruins. Tanto o PP quanto o PK figuram entre os ultimos da liga. Algo que atormenta desde a temporada passada.

Outra coisa que incomoda no Flames é que Gaudreau está sumido no gelo. Uma das principais apostas figurar entre os melhores esse ano está sendo muito discreto, tendo 2 gols marcados e 7 pontos. Um pouco longe do que se esperava para ele.

SeanJohnny.jpg
Essa dupla está precisando aparecer para o jogo. Foto: NHL

VEREDICTO: O Flames tem um bom time, fato. Tem muitos problemas no PP e no PK, tem muitas oscilações no gelo, e, as vezes, não consegue manter um padrão durante o jogo. Gaudreau e Monahan precisam voltar a boa forma, e os torcedores do Flames esperam que isso aconteça agora em Novembro.

 

Bem meus amigos, a análise fica por aqui. Na primeira semana de Dezembro ela estará de volta analisando todo o mês de Novembro para os Canadenses. Grande abraço e até mais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s