Do Velho Mundo – Introdução

Bom dia, boa tarde, boa noite! Meu nome é Thiago Farias, tenho 25 anos e sou um fanático por hóquei no gelo. Este homem que vos escreve é a mente por trás do perfil @hoqueifanático do Twitter, como a @ diz bem eu sou um fanático pelo esporte. Comecei lá atrás no final da década de 1990 e após conseguir uma internet boa o suficiente comecei a acompanhar o esporte com mais afinco, cruzei a barreira da NHL e entrei em território europeu. Minha primeira experiência foi com a liga alemã, depois comecei a ver a Kontinental Hockey League, ou simplesmente KHL, então, de repente estava assistindo o derby Glasgow-Edimburgo na Elite Ice Hockey League, a liga do Reino Unido. Sou um fanático, viciado e faminto pelo esporte, vejo sempre que posso, sou um doente irremediável e incurável. As pessoas falam, com razão, que o nível dos times é mais fraco, mas não importa quando você vê a beleza, a devoção e a paixão que o europeu tem pelo hóquei no gelo. Não existe essa de que o hóquei (sim, em português se escreve assim) de verdade é só o da NHL, se for praticado de modo sério ele é real, digno e válido.

O jovem Puck em sua política de expansão ofereceu uma oportunidade para mim, o convite dele casou com minha vontade de escrever sobre hóquei, decidi falar sobre hóquei europeu e outras coisas mais. Convite aceito e aqui estou abrindo o que é para ser uma coluna semanal opinativa, informativa e com destaques das maiores ligas europeias, com exceção da KHL.

Podemos começar falando de como o hóquei no gelo chegou e se estabilizou na Europa para depois fazer uma introdução das maiores ligas com algumas peculiaridades sobre cada uma delas. Esse texto é nada mais que uma apresentação e introdução para quem não conhece bem ou tem curiosidade de conhecer as ligas europeias, cada liga tem sua história e a história de cada uma delas é rica, então a partir daqui começa apenas um texto básico para introduzir esta coluna.

Como é de conhecimento geral, o hóquei no gelo nasceu no Canadá nos rios e lagos congelados como uma variação de inverno do hóquei de campo no ano de 1834, assim afirmam os livros de História. Então durante o século XIX o esporte se popularizou, cruzou a fronteira para os Estados Unidos, ganhou muitos adeptos e se profissionalizou, em algum momento dentro dessa cronologia pouco exata os canadenses exportaram o esporte para a Europa. Ainda no século XIX alguns canadenses anônimos conseguiram espalhar o jogo pelo velho continente. É registrado que em 1902 aconteceu o primeiro jogo em um rink na Europa, foi em um clube de gelo em Londres, no dia 4 de março de 1905 França e Bélgica fizeram o primeiro jogo internacional em solo europeu. Porém, mesmo antes desses importantes jogos, já haviam clubes que jogavam em lagos e rios congelados, alguns fundados no final do século XIX, como o Augsburger EV (atual Augusburger Panthers).

Com certa popularidade, o hóquei no gelo começou a ter campeonatos profissionais a nível nacional na Europa, na Suíça o campeonato nacional existe desde 1909, 1912 na Alemanha, de fato esses dois países tem campeonatos anteriores a existência da NHL (por mais que a Stanley Cup já existisse). Em outros países os primeiros campeonatos nacionais foram disputados a partir da década de 1920, ao mesmo tempo em que ligas nacionais foram fundadas, alguns troféus internacionais também foram criados, como é o caso da Spengler Cup (a ser tratada no futuro).

A popularidade do esporte cresceu na Europa, ligas foram criadas, morreram, foram recriadas, separadas, fundidas, passaram por diversas situações, mas elas continuam vivas e nesse texto serão tratadas algumas delas, começando pela península nórdica com seu sangue viking e seu hóquei veloz, ofensivo e de muita habilidade.

Swedish Hockey League (SHL)

Em 1992 aconteceu o primeiro campeonato sueco de hóquei no gelo, o IK Göta foi seu primeiro e maior campeão com 9 títulos. Em 1926 o Le Mat Trophy foi entregue pela primeira vez e desde então ele é o troféu que representa a glória máxima no hóquei sueco, seu maior vencedor é o Djugardens IF com 16 conquistas. A Elitserien foi fundada em 1975 e virou SHL na temporada 2013-14. O atual campeão é o Frölunda HC, o título de 2016 foi o quarto da história da equipe. A curiosidade da SHL é a Kvalserien, que é nada mais e nada menos que um torneio reunindo os dois últimos da SHL e os quatro primeiros da  HockeyAllsvenskan, a segunda divisão, eles jogam em casa e fora contra todos e ao final das dez rodadas o primeiro e o segundo jogam a SHL na temporada seguinte.

Liiga

kanada-malja
A Kanada-malja

Inicialmente a Finlândia tinha um campeonato chamado SM-Sarja, uma abreviação para Suomem Mestaruussarja, caso seu finlandês não esteja em dia o nome seria algo como Campeonato Finlândes, ela durou até 1975 quando a SM-Liiga foi fundada, em 2013 o nome foi mudado para Liiga apenas. Anteriormente os times não eram completamente profissionais e com o intuito de profissionalizar e melhorar o nível do campeonato nacional, assim em 1974 uma proposta foi elaborada e aceita pela federação finlandesa de hóquei no gelo. O troféu entregue ao campeão finlandês é o Kanada-malja, caso você tenha faltado as aulas de finlandês e não entenda a língua, o nome do troféu significa literalmente “Taça Canadense” e ele foi doado pela comunidade finlandesa do Canadá no ano de 1951. O maior vencedor da Kanada-malja é o TPS, da cidade de Turku, com 10 conquistas, o atual campeão é o Tappara com 9 conquistas. A Liiga também tem um sistema de promoção e rebaixamento, mas ele é simples: o vencedor da Mestis, que seria como a segunda divisão, enfrenta o último colocado da Liiga numa série melhor de sete jogos, o vencedor joga a Liiga na temporada seguinte e o perdedor a Mestis.

Em 2013 a Liiga, ainda SM-Liiga, sofreu um grande golpe quando Harry Harkimo anunciou a venda da Hartwall Arena para um grupo encabeçado por Gennady Timchenko (presidente do HC SKA), Arkady Rotenberg (conselheiro do HC Dynamo Moscow) e Boris Rotenberg (coproprietário do SKA) e com a opção de vender uma parte do time para o grupo. O pior foi anunciado depois, o Jokerit deixaria a SM-Liiga e se juntaria a KHL na temporada de 2014-15. A decisão gerou revolta na torcida do time que acusou Harkimo de traição, de ser um vendido e outras coisas mais, até a torcida do grande rival HIFK se uniu, mas a decisão estava feita. O Jokerit, 6 vezes vencedor do Kanada-malja e um dos maiores times de hóquei no gelo da Finlândia, deixou sua liga nacional visando um pote maior de riquezas e visibilidades na KHL, esse ato deixou uma marca profunda no hóquei dentro da Finlândia.

National League A (NLA)

A National League A, ou NLA, é a principal liga de hóquei no gelo do país dos Alpes (qual deles?), bancos, da guarda súiça e chocolate suíço. A Suíça é um país declaradamente neutro, mas desde 1909 existe muita ação e rivalidade nos gelos do país. O Swiss National Champioship Serie A, o primeiro campeonato nacional, ocorreu entre 1909 e 1937, entre 1916 e 1933 existiu outro campeonato paralelo chamado Swiss International Championship Serie A (santa criatividade), os dois campeonatos foram transformados em um no ano de 1938. O maior campeão nacional da Suíça é o HC Davos com 31 títulos, o atual campeão é o SC Bern, que tem 14 conquistas. A NLA tem um sistema de promoção e rebaixamento também, os quatro últimos colocados da liga se enfrentam em um torneio em que eles retém os pontos da temporada regular e após 6 jogos disputados os dois último colocados se enfrentam numa série melhor de sete jogos. O perdedor desse torneio enfrenta o campeão da National League B em uma série melhor de sete jogos, o vencedor disputa a NLA, o perdedor a NLB.

Deutsche Eishockey Liga (DEL)

del_wintergame2015

51.125 pessoas compareceram a ESPRIT Arena em Düsseldorf para o jogo entre Düsseldorfer EG e Kölner Haie no dia 10 de janeiro de 2015, o maior público em um jogo de hóquei no gelo na Europa

Nem só de fazer 7 a 1 no Brasil, votar na Angela Merkel, beber cerveja, oktoberfest, comer chucrute com salsichão e pilotar nas autobhans vive o alemão, desde o final do século XIX também de hóquei no gelo vive o alemão, ou ao menos os que se envolvem com o esporte. O primeiro campeonato nacional de hóquei no gelo do país foi disputado em 1912 e durou até 1948. A Oberliga (que ainda existe), fundada em 1948 foi a principal liga do esporte na Alemanha até 1958, quando a Eishockey-Bundesliga foi formada. A Bundesliga durou até o ano de 1994, quando decidiram fundir as duas divisões e criar uma liga nos moldes da NHL para salvarem os times que estavam com muitos problemas financeiros, muitos deles a beira da falência. Criaram um modelo onde alguns critérios financeiros e estruturais teriam que ser seguidos, isso levou alguns dos times mais tradicionais terem que adotar nomes de diferentes e mudarem um pouco sua identidade para se adequarem ao modelo de franquia. O maior vencedor da DEL é o Eisbären Berlin com 7 conquistas, o atual campeão é o Red Bull München. O EV Füssen foi o maior campeão da Alemanha Ocidental com 16 títulos, já o Eisbären Berlin (antigo SC Dynamo Berlin) foi o maior campeão da Alemanha Oriental com 15 conquistas. Em 2013 a DEL lançou o Winter Game, um jogo realizado em estádio aberto a cada 2 anos, nessa temporada o Adler Manhein irá enfrentar o Schwenniger Wild Wings na WIRSOL Rhein-Neckar-Arena em Sinsheim.

Erste Bank Eishockey Liga (EBEL)

A liga austríaca é um caso a parte, apesar de ser a maior liga da Áustria é também uma liga internacional, atualmente são 12 times sendo 8 austríacos, 1 esloveno, 1 húngaro, 1 tcheco e 1 italiano. O hóquei no gelo dentro da Áustria teve seus primeiros torneios nacionais disputados entre 1923 e 1938, entre 1939 e 1945 a Áustria fazia parte da Alemanha e por isso o EK Engelmann Wien (fechado) e Vienna EV (atual Vienna Capitals) foram campeões alemães. Outros campeonatos foram disputados entre 1946 e 1965, na temporada de 1965-66 foi criada a liga que atualmente se chama EBEL. Na temporada 2006-07 as portas para times estrangeiros foram abertas, o título austríaco só pode ser vencido pelos austríacos, mas o título da EBEL é disputados por todos os times, o único vencedor fora da Áustria até então é o HC Bolzano, da Itália, que capturou o título da EBEL em 2014. O maior campeão Austríaco é o EC KAK, o atual campeão é o Red Bull Salzburg.

Czech: Extraliga ledního hokeje (ELH)

A Czech: Extraliga ledního hokeje é também chamada de Czech Extraliga, foi fundada em 1993 com a separação da Checoslováquia. A Checoslováquia teve uma liga ativa entre 1930 e 1993, a separação do país criou as duas Extraligas, a da República Tcheca está ativa desde a temporada 1993-94. Funcionando nos padrões de franquias, a ELH tem o que é provavelmente o caso mais curioso de venda de franquia e realocação da história dos esportes, o HC Mountfield České Budějovice foi forçado a vender sua licença porque a liga fez um acordo com uma cervejaria para venda das cervejas na arena, o time tinha acordo com outra empresa e após uma batalha foi forçado a ser vendido e realocado virando o Mountfield HK. O VHK Vsetín é o maior campeão da ELH com 6 títulos, o atual campeão é o HC Liberec.

Slovenská Extraliga

Seguindo a história da separação da Checoslováquia, o lado eslovaco disputou um campeonato em 1993-94 e durante essa temporada a liga foi fundada pelos clubes que participavam. Seguindo também o modelo de franquias, a Extraliga tem quase os mesmos times desde sua fundação, em 2012 o Slovan Bratislava, um dos maiores campeões do país, traiu o movimento deixou a Extraliga eslovaca para jogar na KHL. A Extraliga Eslovaca tem como maiores campeões o HC Kosice e Slovan Bratislava com 8 títulos cada, o atual campeão é o HK Nitra.

Champions Hockey League (CHL)

Na Europa é muito comum termos torneios continentais por conta da proximidade, é uma tradição e seguindo o padrão UEFA esse torneio tem que ter as palavras Champions e League no seu nome. A CHL é um torneio que começou em 2014-15, organizado pela IIHF em parceria com 26 times, foi criado o European Trophy, para as três primeiras os fundadores tiveram a vaga garantida, mas já para 2017-18 a regra vai mudar e vagas automáticas serão tiradas dos fundadores. Segundo informações não oficiais, a CHL é uma resposta da IIHF junto aos times a política agressiva de expansão da KHL, o campeonato visa levar mais visibilidade, dinheiro e aumentar o nível dos times que participam para que as ligas não entrem em colapso por conta da pressão financeira que a KHL exerce. Os dois campeões do torneio até então são Lulea HF (2014-15) e Frölunda HC (2015-16), na temporada atual (2016-17) o torneio se encontra na fase de oitavas de final.

Além dessas ligas existem outras, obviamente, mas as apresentadas acima são as maiores e mais importantes, da Irlanda até a Turquia, da Islândia a Espanha, praticamente todos os países europeus tem uma liga profissional de hóquei no gelo. Pela paixão e devoção que existe ao esporte em alguns países você entende porque as seleções europeias são boas em competições internacionais, porque zebras como a República Tcheca vencer o ouro em Nagano 1998 podem acontecer, porque o esporte vive bem na Europa e a tendência é crescer pouco a pouco e com isso o esporte evoluir.

Anúncios

Um comentário em “Do Velho Mundo – Introdução

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s